AS BODAS DO CORDEIRO PARA OS SALVOS EM CRISTO

POR NILDO OLIVEIRA
AS BODAS DO CORDEIRO PARA OS SALVOS EM CRISTO

"E disse-me: Escreve: Bem-aventurados  aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E disse-me: Estas são as verdadeiras palavras de Deus". Apocalipse 19:9

O evento mais importante do mundo (para os salvos) sem dúvida será as BODAS DO CORDEIRO. Evento que receberemos nosso galardão através do julgamento de Cristo, seremos levado para as mansões celestiais onde acontecerá o grande marco para igreja – A GRANDE CEIA DO SENHOR.

1- O QUE SERÁ AS BODAS DO CORDEIRO?

As bodas do Cordeiro é o casamento da Igreja fiel com o Noivo (Jesus).

Em Apocalipse 19.7-10 João viu e ouviu os anjos louvando a Deus porque estava quase começando um evento que marcaria o início de uma vida nova para a igreja, esse evento é chamado de "a festa das bodas do Cordeiro".

Para entender melhor esse evento o das Bodas do Cordeiro) (casamento da Igreja com Jesus), temos que entender melhor o costume da época (casamento judaico) em relação a casamento.

O CASAMENTO NOS TEMPOS BÍBLICOS SE DIVIDIAM EM 3 ETAPAS:

1 – Primeira etapa, eles faziam um contrato onde os pais da noiva e os pais do noivo assinavam, o pai da noiva dava um ‘dote – dinheiro’ para o noivo ou para os pais da noiva. Nessa etapa, dava-se o começo (início) do noivado. 

Em resumo, a primeira parte do casamento era apenas um contrato entre as 2 famílias, onde o pai da noiva ofertava um ‘dote’ para a família do noivo.

2 – Segunda etapa, essa etapa acontecia certa de 1 ano depois, o noivo chamava seus amigos ou servos, e iam até a casa da noiva à meia noite com tochas pela rua como se fosse um desfile. 

A noiva sabendo que isso ia acontecer, chamava suas amigas ou servas, e iam ao encontro do noivo e todos desfilavam nas ruas, onde todo o povo sabia que estava acontecendo a segunda etapa de um noivado.

Esse costume é a base da parábola das dez virgens em Mt 25.1-13.

3 – Terceira etapa, nessa etapa acontecia a ceia das bodas o casamento, onde podia durar dias, assim como o casamento em Caná – Jo 2.1-2.

APLICAÇÃO PROFÉTICA:

A visão que João teve das Bodas do Cordeiro retratava o casamento de Jesus com sua Igreja, terceira etapa do casamento.

1 – A primeira etapa do casamento da Igreja com Jesus se deu quando confessamos Ele (Jesus) como Salvador.

Em geral (não sempre) era o pai da noiva que pagava o ‘dote’ para a família do noivo, mas, no casamento entre a Igreja e o Noivo (Cristo), quem pagou o dote foi Deus Pai. O ‘dote‘ pago pelo Pai do Noivo (Deus Pai) seria o sangue de Cristo derramado em favor da sua Noiva.

Quando você entregou sua vida a Jesus e confessou que Ele é o ÚNICO SALVADOR da sua vida, deu-se início a primeira etapa do casamento seu com Ele – Você como igreja corpo de Cristo.

2 – A segunda etapa do casamento é o Arrebatamento da Igreja, quando o Noivo vier buscar sua noiva para levar para casa de seu Pai.

3 – Terceiro e último passo, as Bodas do Cordeiro – Casamento entre a Igreja e Jesus, onde a igreja viverá eternamente com o Senhor Jesus nos céus.

CONCLUSÃO:

Por isso que a palavra diz que felizes são aqueles que são convidados para as BODAS DO CORDEIRO, Pois depois do arrebatamento, estaremos lá no céu, e os ímpios sofrerão o juízo final.

Estaremos lá no céu festejando nas Bodas do Cordeiro.



Fontes de pesquisa: 
•Manual dos Tempos e Costumes Bíblicos | William L. Coleman;
•Bíblia Almeida corrigida e fiel;
Topo