"...NAQUELE ANO, COMERAM DAS NOVIDADES DA TERRA DE CANAÃ."

"...NAQUELE ANO, COMERAM DAS NOVIDADES DA TERRA DE CANAÃ."


“Os cansados andarilhos de Israel estavam espalhados e finalmente chegara o descanso prometido. Nada mais de tendas, serpentes venenosas, amalequitas raivosos e uivos selvagens: haviam chegado à terra onde manava leite e mel e comeram do seu trigo.


Talvez este ano, amado leitor, esse seja o seu caso ou o meu. A perspectiva é de alegria e, se a fé for excercida ativamente, será um ano de puro prazer. Estar com Jesus no descanso reservado ao povo de Deus é, na verdade, uma esperança animadora e, esperarmos essa glória tão cedo, é felicidade dupla.


Estremecem os incrédulos no rio Jordão, – que ainda de coloca entre nós e a boa terra, mas temos a certeza de que já vivenciamos mais males do que o pior que a morte pode nos causar. Vamos banir qualquer pensamento temeroso e nos regozijar com enorme alegria na perspectiva de que este ano começaremos a estar ‘para sempre com o Senhor’.


Uma parte das hordas celestiais passará pela terra este ano, para fazer o serviço do seu Senhor. Se isto ocorrer também conosco, não há motivo para este texto de Ano Novo não ser verdadeiro. ‘Nós, porém, que cremos, entramos no descanso’. O Espírito Santo é o penhor de nossa herança; Ele nos concede a antecipação da glória. No céu, os anjos estão em segurança, e também estamos nós, preservados em Cristo Jesus; lá eles triunfam sobre seus inimigos, e nós triunfamos também.


Os espíritos celestes desfrutam a comunhão com o Senhor e isso não nos é negado; eles descansam em Seu amor e nós temos perfeita paz nele; eles cantam louvores e também é nosso privilégio louvá-lo. Este ano vamos recolher frutos celestiais em solo terreno, onde a fé e a esperança transformaram o deserto em jardim do Senhor.


O homem comeu o alimento dos anjos no passado; e por que não agora? Ah, que graça é se alimentar de Jesus e então comer o fruto da terra de Canaã este ano!”


— C. H. Spurgeon

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo