Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

Série de Estudos Sobre a 5ª Medida

domingo, 9 de abril de 2017

COMO ESTAMOS SENDO VISTOS? - Daniel 3:25

COMO ESTAMOS SENDO VISTOS?UMA BREVE MENSAGEM SOBRE EVANGELIZAÇÃO

"Respondeu, dizendo: Eu, porém, vejo quatro homens soltos, que andam passeando dentro do fogo, sem sofrer nenhum dano; e o aspecto do quarto é semelhante ao Filho de Deus." Daniel 3:25

INTRODUÇÃO
Em tudo que aconteceu com o povo de Israel no cativeiro babilônico, a história de 4 jovens deixou um testemunho maravilhoso da herança que eles receberam. Toda a vida daqueles servos foi uma mensagem de testemunho para a Babilônia de que há um Deus vivo que guarda e honra aqueles que são fiéis a Ele. Eles viviam na quinta medida.




DESENVOLVIMENTO
Essa parte da história nos traz um grande e profundo ensino sobre evangelização.


1-Nossa vida como mensagem
Começamos a dizer que nossa melhor e maior mensagem de evangelização é a NOSSA VIDA como testemunho ao mundo. Testemunho daquilo que Deus fez e faz. Testemunho de fidelidade e compromisso com um Deus que o mundo não conhece, mas passa a conhecer através do testemunho do fiel. Cada palavra daqueles servos era acompanhado de um testemunho. Eles falavam e praticavam o que falavam.


2-Não estamos sós
Vemos que quando eles são jogados no fornalha, mostram algo muito glorioso: Não estavam sós. Evangelizar não é mostrar que antes de conhecer Jesus você tinha um carro velho e agora tem um carro novo. Não é ser melhor, ser primeiro lugar. Evangelizar não é pregar que a vida não tem problemas. Não evangelizamos somente quando tudo está bem. Evangelizamos na fornalha da vida, muitas vezes você prega, assiste alguém, faz uma visita, convida alguém para vir ao culto, dá uma palavra para alguém que não conhece ao Senhor. Sempre sorrindo mas muitas vezes por dentro passando por muitas lutas na fornalha da vida. Porque evangelizar é mostrar ao mundo que, mesmo na fornalha da vida, sofremos as mesmas lutas, mas testemunhamos ao mundo que NÃO ESTAMOS SÓS. Eles estavam na fornalha, mas não estavam sós. Estavam na quinta medida com o Senhor Jesus.

Isso foi VISTO por quem estava de fora.

_"...eu, porém, vejo quatro homens soltos, que andam passeando dentro do fogo, sem sofrer nenhum dano..."_

Porque os servos estavam na fornalha e os babilônicos não? Porque para o mundo tudo que está aí: o pecado, a depravação, as trevas, é tudo normal. Não é fornalha. Mas para o povo que tem o Espírito Santo este mundo não é nosso lugar. É fornalha.


3-Não evangelizamos só a quem amamos
Nabucodonosor testemunhou tudo aquilo. A vista racional, ele era o inimigo. Ele foi o primeiro a testemunhar tudo aquilo. Mais na frente o Senhor o alcançou. Aquele testemunho serviu para sua conversão lá na frente? Serviu sim.

Não evangelizamos só quem nós amamos. Aprendemos a testemunhar à quem não nos faz bem, e assim aprendemos amar nossos inimigos. Um dos homens mais usados por Deus na história do Evangelho foi inimigo da igreja. Paulo, que antes era Saulo, foi ESCOLHIDO PELO SENHOR para ser apóstolo dos gentios.


4-As lutas são uma oportunidade de testemunhar
Porque o Senhor permitiu tudo aquilo? Para servir de testemunho. O testemunho não começa nos bons momentos. A fornalha aconteceu na vida daqueles servos para que O TESTEMUNHO DELES FOSSE VISTO.

Comecou uma prova? Se prepare porque Deus vai te usar. Para testemunho Dele. A igreja primitiva crescia depois da morte dos santos nas arenas.


CONCLUSÃO
O que aquela situação na fornalha deixou?  Um testemunho. Pois o que foi visto, na fornalha (repetimos, não foi quando tudo estava bem), foi homens dando um testemunho. Não foram servos reclamando, indagando. Nós também somos vistos e observados na fornalha da vida.

"...Eu, porém, VEJO quatro homens soltos, que andam passeando dentro do fogo..."

Sabe porque eles passeavam? Porque passear é PASSAR UM TEMPO. É o que fazemos na fornalha deste mundo. Passamos um tempo porque nosso lugar não é aqui. Mas quando testemunhamos ao mundo Jesus está conosco (mesmo na fornalha), estamos vivendo a quinta medida. Isso é evangelizar.

E nós? Como estamos sendo vistos?



Bruno Rocha
Maceió/AL

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...