Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

Série de Estudos Sobre a 5ª Medida

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

JESUS QUER SABER : VOCÊ ESTÁ BEM?

“Davi então se levantou de madrugada, pela manhã, e deixou as ovelhas com um guarda, e carregou-se, e partiu, como Jessé lhe ordenara; e chegou ao lugar dos carros, quando já o exército saía em ordem de batalha, e a gritos chamavam à peleja.E os israelitas e filisteus se puseram em ordem, fileira contra fileira.E Davi deixou a carga que trouxera na mão do guarda da bagagem, e correu à batalha; e, chegando, perguntou a seus irmãos se estavam bem.”
I Samuel 17:20-22


INTRODUÇÃO
É sempre bom saber que alguém luta por nós, que alguém se importa conosco. Qualquer pessoa gostaria de saber que é alvo de um grande amor protetor. Isto nos dá segurança, bem-estar e um sentimento de pertencer a alguém.

O homem sem Deus se sente só e desprotegido porque não conhece por história, a missão e a obra perfeita de Jesus.


O mundo reconhece em Jesus apenas um homem bom, que pregava coisas bonitas e que curava a muitos, isto é, apenas o aspecto ético e filantrópico da obra de Jesus.

Contudo, poucos sabem ( até mesmo alguns dentro de nossas igrejas!!), das nobres funções de Jesus após sua ascensão, isto é, da sua obra intercessora pós-ministério terreno. É disso que vamos falar hoje.


DESENVOLVIMENTO

"...Davi então se levantou de madrugada, pela manhã, e deixou as ovelhas com um guarda..."

Jesus levantou-se do seu túmulo numa manhã de domingo.

A ressurreição de Jesus, sem dúvida alguma, inaugurou uma nova ordem espiritual. A velha dispensação, o rigor da lei, a salvação pelas obras e as exigências rituais ficaram para trás. Quando Jesus levantou-se do túmulo Ele estava nos garantindo uma vida nova,  e nos assegurando a ressurreição final no último dia.

Aquela manhã de domingo certamente foi apenas mais um dia no calendário judaico, mas para a igreja fiel representou uma nova e esperada etapa : o tempo da graça.

Este dia que iniciou-se quando da ressurreição de Jesus durará até a sua volta para a igreja. Iniciou-se uma nova etapa na vida da igreja, com novos mandamentos, com novas orientações, com novas promessas, mas também com muitas lutas, provações e perseguições pela frente.

Historicamente, a igreja está vivenciando este dia até agora.

Davi confiou suas ovelhas a um guarda  pois sabia que este guarda protegeria suas ovelhas com muito amor, assim como ele mesmo amava as suas ovelhas a ponto de enfrentar um urso e um leão em defesa delas.

Jesus não deixou suas ovelhas ao léu, desamparadas, mas confiou-as a um guarda. É o Espírito Santo que assiste a igreja hoje. A Bíblia nos diz que Deus

_"nos selou e nos deu o penhor do Espírito em nossos corações"_
II Coríntios 1:22

O penhor é uma garantia de que uma obrigação será cumprida integralmente. O E. S. é a garantia de que estamos bem guardados e protegidos.

"...e carregou-se, e partiu, como Jessé lhe ordenara;..."

Jesus partiu para a eternidade carregando ( levando ) os nossos pecados sobre si, dando-nos alívio, paz e segurança. Porém também levou os nossos pedidos, as nossas necessidades, a nossa oração.

Davi partiu debaixo de uma ordem de Jessé. Jesus partiu como o Pai lhe ordenara. Jesus veio a este mundo, cumpriu toda a lei, amou os seus até o fim e comprou para eles uma salvação eterna.

"... e chegou ao lugar dos carros, quando já o exército saía em ordem de batalha, e a gritos chamavam à peleja..."

É interessante notar que a verdadeira batalha espiritual é travada nos lugares celestiais : “ Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. ( Ef. 6:12 )

Na eternidade é o “lugar dos carros”. Foi para lá que Jesus foi guerrear as “guerras do Senhor”

O inimigo tem os seus carros de ódio, vingança e violência para arremeter contra os santos. O Senhor tem os seus carros também e são carros de fogo (como aquele que separou Elias e Eliseu quando eles caminhavam juntos).

Quando Jesus subiu aos céus diante dos olhos dos discípulos no monte da oliveiras, os exércitos do Senhor também estavam saindo em ordem de batalha em favor da igreja.

É a batalha que  vem se travando por causa dos santos durante toda a história da igreja, durante os momentos de  perseguições, durante os momentos de frieza espiritual, durante os momentos de investida das falsas doutrinas.

Hoje há um “grito que chama à peleja”!

Davi chegou ali e ouviu aqueles gritos chamando à peleja e reagiu imediatamente.

E você, o que tem feito diante dos “gritos chamando à peleja”??? você tem ouvido os gritos chamando à peleja?? ou os seus ouvidos não ouvem mais este tipo de clamor? você fará como  Davi, que correu para a batalha, ou você fará como os demais que estavam com medo do gigante Golias?


"... E os israelitas e filisteus se puseram em ordem, fileira contra fileira...”

Antigamente era comum os exércitos em guerra medirem suas forças colocando fileiras em frente de fileiras. ( veja este exemplo em II Samuel 2:15-16) Ainda hoje, a cada passo da igreja, uma investida contrária do inimigo se anuncia. O inimigo imita cada passo da igreja para se opor ao ensino da sã doutrina.

São fileiras contra fileiras

1 - Se a igreja tem os seus louvores revelados, o mundo tem as suas músicas indecentes e mentirosas;

2 - Se igreja tem palavra revelada, o mundo tem mensagens enganosas e cheias de ilusões;

3 - Se a igreja tem a Jesus como o único que merece sobressair no nosso meio, o inimigo ensina as religiões a  cultivar os seus “ícones de santidade”, o “homem da prece poderosa”;

4 - Se a igreja pratica as boas obras como um sinal da salvação em Cristo Jesus, o mundo pratica as boas obras para comprar a salvação;

5 - Se a igreja adora o único Deus, o mundo adora inúmeros ídolos.



"... E Davi deixou a carga que trouxera na mão do guarda da bagagem, e correu à batalha..."

Davi mais uma vez confiou seus pertences a um guarda, isto é, ao guarda das bagagens. Isto aponta mais uma vez para o Senhor Jesus em sintonia com o Espírito Santo que é o guarda dos nossos corações ( guarda das bagagens ), entregando ao Espírito aquilo que lhe pertence para os devidos cuidados.

Davi correu para a batalha, porque as guerras do Senhor estavam no íntimo do seu coração. Muitas pessoas daquela época se referiam a Davi dizendo : _"...ele faz as guerras do Senhor"_ ( _"...porque meu senhor guerreia as guerras do SENHOR..." - I Samuel 25:28 ).  O servo do Senhor também faz as guerras do Senhor, ele corre para a batalha, sem medo, sem temor.

Jesus também *corre para a batalha* em favor dos seus servos e aí é que deve estar a nossa confiança : porque Jesus não foge da nossa batalha; pelo contrário, Ele faz como Davi, Ele corre para a batalha em nosso favor.


CONCLUSÃO

"... e, chegando, perguntou a seus irmãos se estavam bem..?"

Esta é a parte mais importante da mensagem

Jesus quer saber,  se você está bem??. O interesse de Jesus é proteger, alimentar e cuidar da igreja fiel. A Bíblia nos diz que Jesus subiu aos céus e que está assentado à direta de Deus Pai, intercedendo por nós.

Davi foi ao campo da batalha, a mando de seu pai, para saber como estavam seus irmãos.

Jesus hoje está no campo da batalha para cuidar de nós, cumprindo uma ordenação do Senhor e Ele pergunta ainda hoje : você está bem?



Pr. Silas Sevidanes
Muriaé/MG

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...