Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

Série de Estudos Sobre a 5ª Medida

domingo, 23 de outubro de 2016

O PROJETO CONSUMADO

O PROJETO CONSUMADO
"E Jesus, clamou outra vez com grande voz, entregou o espírito, e eis que o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo; e tremeu a terra e fenderam-se as pedras." Mateus 27:50-52


*INTRODUCAO*
Esse clamor mostra o grande sofrimento do Senhor Jesus, para concluir o o maior projeto já visto em toda a história da humanidade, que é o projeto da salvação ou do resgate. Ele profere suas últimas palavras, com um grande brado: "Está consumado". Isso significa que a condenação de morte que estava sobre a vida do homem foi tirada.

Agora o plano da redenção está cumprido, a dívida foi paga, o pecado do homem agora tem perdão, mediante o sangue derramado na cruz.


Agora com o plano da salvação cumprido resta mais uma coisa: A oração final.

"Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito." Lucas 23:46

Esse era o ofício do sacerdote, entrar no lugar santíssimo depois do sacrifício para concluir o projeto.


*DESENVOLVIMENTO*
Agora com o projeto cumprido, o versículo 51 nos mostra o caminho que estava outrora fechado, e agora se abre para nós. Esse véu representa o nosso pecado, mas com a morte vicária de Cristo na Cruz, o caminho foi liberado, agora temos acesso ao lugar mais íntimo da Palavra, que é estar na presença de Deus mediante a Fé em Jesus Cristo.

Com o véu rasgado, agora a igreja pode estar a todo tempo em comunhão com o Pai, exercendo o sacerdócio universal do crente. Esse caminho está a disposição de todos quantos quiserem.

A expressão _*rasgado em dois*_ simboliza que quando o homem entra por esse caminho ele tem proteção de todos os lados para caminhar seguro.


*CONCLUSAO*
Portanto, podemos dizer que só há uma condição para alcançarmos a presença de Deus, é aceitando Jesus como nosso salvador.

Ele é esse caminho que foi aberto entre o véu, para nos dar uma vida eterna, livrar-nos do juízo de morte que há sobre o pecado. O único que pode tomar essa decisão somos nós. O projeto já está consumado podemos aceitá-lo ou recusá-lo. A escolha que cada um fizer hoje vai refletir no futuro, e a palavra de Deus nos fala em, Deuteronômio 30:19:

"Os céus e a Terra tomo, hoje, por testemunho contra ti, que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua semente."

Irmãos, a vida está a disposição de todos. Aceitemos o conselho do Senhor sem nos esquecer que o preço já foi pago. A escolha é nossa.


Diác. Marcos Carvalho
Belo Horizonte/MG

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...