Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

ESPECIAL REFORMA PROTESTANTE

quinta-feira, 26 de maio de 2016

O LOUVOR DOS SALVOS

O LOUVOR DOS SALVOS
INTRODUÇÃO Sl. 137,1-6 - 

O louvor fruto da vida espiritual.

Jerusalém passou a ser a capital espiritual do povo. Tudo estava transcorrendo normalmente.
A ministração do sacerdote, etc.

- O povo foi se desviando, ou seja se afastando do Senhor.
- Houveram ali os avisos da parte do Senhor através dos profetas.
- Como conseqüência da desobediência foram levados cativos à Babilônia a mais de 2000 Km de Jerusalém.
- Longe do Senhor.
- Não tinha como voltar.
 O CATIVEIRO
- Longe de Jerusalém
- Nas margens dos rios de Babilônia.
- Deus não é Senhor.

 VIDA ESPIRITUAL
- O templo está destruído.
- Ausência de culto.
- A profecia desaparece.

O CATIVEIRO INIBE O LOUVOR
- Esquecer Jerusalém.
- Esquecer a Destra.
- Sua Destra.
- Cessa a Obra.
- Apegue-se a minha língua.
- Deus não fala.
- O louvor ao Senhor está no campo da vida Espiritual.
- O louvor só existe quando se tem vida Espiritual.
- Os salgueiros são plantas ornamentais não tem frutos.
- Muitos o Senhor levanta, pessoas que não cantam, não tocam nada, para o Grupo de louvor ou grupo de instrumentistas, porque são que tem vida Espiritual. São verdadeiros intercessores e o Senhor os põe ali p/ intercederem por aquele Grupo.

O LOUVOR DOS SALVOS
- Expressão da Alma remida.
- Daqueles que estão na cidade -comunhão.
- Louvor: Os Atos de Justiça
- A profecia está presente
- O louvor inspira a Vida Espiritual.



LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...