Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

Série de Estudos Sobre a 5ª Medida

sábado, 15 de agosto de 2015

VIDA NO ALTAR DE DEUS.

VIDA NO ALTAR DE DEUS.
Texto: Romanos 12.2                                  
 Quando o apóstolo Paulo nos exorta a apresentar a nossa vida como oferta viva ao Senhor, ele está nos exortando a viver uma vida de altar. Na Bíblia há exemplos de vários homens que tinham uma vida de altar e que valorizavam esta prática. Mas nós vamos usar como modelo a vida de Abraão. Durante toda a vida Abraão ergueu altares ao Senhor. E o que podemos aprender com o seu exemplo? 



I – Altar da Revelação.  Gn.12.6,7.
O primeiro altar que Abraão edificou foi em Siquém. A palavra Siquém significa “ombro”. O ombro é um lugar de força, de levar grandes pesos, portanto o significado de Siquém é “força”.  Mas em Siquém estava o carvalho de Moré. Moré em hebraico significa “professor”, “ensino”, “revelação”. Isto nos mostra que a força de Deus está no ensino que procede de vida, da revelação. Uma igreja é forte na mesma medida que tem a revelação da palavra de Deus. E é isso que precisamos buscar. Temos que nos sacrificar ao máximo para receber a revelação da parte de Deus a fim de trazer ensino para seu povo. Quem está buscando a revelação de Deus, está edificando o altar em Siquém. Quem não se interessa pelo estudo da palavra, por fazer os Seminários nos Maanains, não tem edificado o altar da revelação. Por isso, muitos não prosperam na vida cristã. Revelação é algo que muda a nossa vida. Portanto, edificar um altar em Siquém significa que nós temos que estar prontos para ensinar e ao mesmo tempo ter um coração  para aprender.

II  - O Altar da Separação – Gn. 12.8.      
2.1. O segundo altar que Abraão edificou foi em Betel. O nome “Betel” em hebraico significa “casa de Deus”.  Portanto, o chamamento de Deus para nós é para edificarmos a sua Casa.  É interessante que o altar ficava entre Betel e Ai. Ai em hebraico significa “montão de ruínas”. Podemos ter Betel onde as pedras estão edificadas ou Ai onde as pedras estão apenas amontoadas. Sempre teremos diante de nós a carne e o espírito.  Também podemos dizer que Betel simboliza a igreja e Ai aponta para o mundo. O altar é a fronteira entre os dois reinos.  O que isso significa? Significa, que tem que haver uma separação, uma fronteira entre a casa de Deus e o montão de ruína. Betel e Ai falam de duas atitudes, de duas posturas. Betel aponta para aqueles que estão na casa de Deus e decidem ser um Servo. Por outro lado há aqueles que estão em Ai, é gente que até se reúne, mas não é parte do corpo de Cristo. Edificar um altar em Betel significa se comprometer com a edificação da casa de Deus. Esse é o nosso chamado. Realizar a Obra de Deus servindo a Ele com Santificação em sua casa e usando os recursos da Graça:

*Palavra Revelada
*o Sangue de jesus
*Igreja Corpo de Cristo
*Salvação
*Fé

III – O Altar da Comunhão.  - Gn.13.18.
A palavra “Hebrom” significa comunhão e “Manre” significa força, saúde e unção(gordura).  É a comunhão da Casa de Deus que nos leva a desfrutar da força que vem da unção (gordura ).  É nesse altar que você reconhece que sozinho você não chega a lugar nenhum, porque esse altar é o altar da comunhão, demonstrando que temos que depender uns dos outros, e devemos andar e estar juntos (corpo). É esse altar que nos faz reconhecer que precisamos da vida da igreja. A comunhão é fundamental para alguém que quer crescer.  Você precisa desfrutar da vida do Corpo de Cristo. Não ande sozinho. Tenha alguém que possa falar na sua vida, a quem você possa prestar contas. Quem está edificando o altar em Hebrom, tem prazer de se reunir, de estar junto. Isso é força para sua vida, é proteção para a sua caminhada(Ec.4.12)

IV – O Altar da Provação.  Gn.22.1,2,14.  
Depois de edificar em Moré = o altar da revelação. Depois de edificar em Siquém – o altar da Separação. Depois de edificar em Hebrom = o altar da comunhão. Abrão é chamado a edificar no Monte Moriá.  Moriá é o lugar onde a nossa realidade de vida é testada. Em Moré você aprende, em Siquém você se posiciona, em Hebrom você desfruta da vida de comunhão. Mas em Moriá você é levado ao sacrifício. Nossa fé vai ser provada até o extremo, e depois que formos aprovados, depois de levantar o altar e colocar nele o nosso Isaque, assim como Abraão ouviremos dos lábios do Senhor: “porquanto agora sei que tu me temes porque não me negaste teu único filho.” (Gênesis 22:12) Deus quer nos confiar grandes coisas. Deus que nos permitir chegar em lugares que ainda ao chegamos. Ter o que ainda não temos fazer o que ainda não fizemos. Mas para isso Ele vai provar a nossa fidelidade. O altar de Moriá é o teste de Deus para saber até onde estamos dispostos a ir com o Senhor. Você está disposto a levantar o altar do sacrifício em sua vida? Você está pronto para entregar qualquer coisa que Deus lhe pedir?


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...