Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

sábado, 8 de agosto de 2015

A LEI DA SEMEADURA

A LEI DA SEMEADURA
Texto: Gl. 6:7- " Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear. Isso também ceifara."

Introdução:

Vivemos em um mundo mergulhado em leis; leis físicas, leis biológicas, leis jurídicas, etc. Algumas foram formuladas por estudiosos e é fruto de muita pesquisa e experimentação; já outras, porém, são " leis" empíricas, ou seja,baseadas na experiência ou na vivência. Quase todas elas se aplicam no campo espiritual e trazem preciosos ensinos.

Desenvolvimento:

Dentre as leis que aqui chamamos de empírica encontramos a Lei da Semeadura. Esta lei possui alguns princípios básicos:


1-  Por essa lei, o que for semeado será colhido.

Em Gênesis 1:11, lemos que quando Deus criou as árvores frutíferas disse que cada semente daria o fruto próprio. Em Tiago 3:12 temos: " Pode a figueira produzir azeitonas, ou a videira produzir figos?", pois a semente que for lançada produzirá o fruto próprio daquela espécie.
Em Provérbios 6:19 lemos que é abominável diante de Deus aquele que semeia contenda entre os irmãos, e este certamente colhera o fruto desse ato abominável.
Devemos parar um momento e refletirmos. O que estamos semeando? Se a resposta for coisas ruins, colheremos coisas ruins, mas se estivermos semeando boas sementes, colheremos frutos bons. Semeemos então: orações, jejuns, adoração, perdão, amor, etc. Fazendo assim, com satisfação colheremos bênçãos em abundância.

2- Um segundo princípio é onde se semeia ali se colhe.

Eu não posso lançar uma semente no meu quintal e colher o fruto na cidade vizinha.
Aí encontramos um ponto em que muitos crentes entram em dificuldade espiritual, pois acham que por levarem uma vida dedicada a Deus, vivendo em função das coisas espirituais colherao em outro terreno, onde não estão semeando. Se eu semear no campo espiritual, colherei frutos no campo espiritual. A verdade é que as demais serão acrescentadas e não faltará o pão de cada dia nem a providência do Senhor.
Muitos crentes prestam concurso, mas não estudam, não se preparam, não se dedicam e oram insistentemente pedindo a Deus para que sejam aprovados. Querem colher frutos em um terreno que não semearam. Eis aí um grande equívoco.

3- A quantidade de semente lançada

Se eu lanço poucas sementes em um terreno terei uma colheita pequena, mas se semeio muitas, terei uma colheita farta. Paulo escrevendo à igreja que estava em Corinto os admoesta dizendo: " Aquele que semeia pouco, colhera pouco, e aquele que semeia em abundância, em abundância colhera "  ( I Cor. 9:6).

Se você tem observado alguém colhendo muitas bênçãos de Deus, pode ter certeza que este alguém semeou ou está semeando muito.

4- A forma de se semear

No Salmo 126, temos: " Aquele que leva a preciosa semente, cantando e chorando, voltará sem dúvida com os seus molhos ".
É assim que devemos semear. Cantando, louvando ao Deus provedor e chorando, mas não o choro de tristeza, choro de contrição e quebrantamento, pois a Palavra diz que um coração contrito e quebrantado Deus não despreza ( Sl. 51:17).

Talvez alguns questionem que estão semeando boas sementes em grande quantidade, em terreno fértil, e não estão colhendo nada, ou estão colhendo pouco.
Não se planta uma semente hoje e se colhe fruto amanhã ( Tg. 5:7 ). O paciente lavrador faz o seu trabalho, mas ele sabe que só vai colher os frutos no tempo determinado. O que em algumas culturas demora vários anos.

Conclusão:

Não desanine, não pare de semear, no tempo determinado você colhera os frutos do seu trabalho nos campos em que tem semeado.

Josenilson Félix

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ESPECIAL REFORMA PROTESTANTE