Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

sábado, 2 de maio de 2015

40 DIAS A MAIS COM DEUS

40 DIAS A MAIS COM DEUS
40 dias a mais com DEUS – Comunhão – Ex 34:27-31

Segundo momento na Palavra que Moisés sobe a DEUS para ficar 40 dias (e 40 noites) em contato com DEUS.
O primeiro momento está no capitulo 24, mas Moisés teve que descer, por ordem do SENHOR, pois o povo havia se corrompido com bezerros de ouro.
Essa segunda subida ao monte foi um chamado, um convite de DEUS – É o mesmo convite para nós: Passarmos mais 40 dias com ele, exclusivamente.


Foi dada a ordem a Moisés: somente ele deveria ir ali – Subimos ao SENHOR para uma experiência individual, sem interferência humana alheia.
Moisés deveria levar 2 tábuas de pedra para que fossem escritos os mandamentos, segundo a revelação de DEUS.
Então, disse o SENHOR a Moisés: Lavra-te duas tábuas de pedra, como as primeiras; e eu escreverei nas tábuas as mesmas palavras que estavam nas primeiras tábuas, que tu quebraste.
Está aqui a prova da misericórdia do SENHOR: Pelos nossos erros, quebremos seu pacto, mas Ele está disposto a restaurar nossa vida. Através da Revelação, Ele escreve suas palavras nas duas tábuas do homem (coração e mente).
As 2 tábuas também apontam a divisão: 4 mandamentos homem para com DEUS e 06 homem para com o próximo. Daí extraímos os 2 grandes mandamentos, ditos por JESUS.

Esses novos 40 dias levariam a uma nova experiência para Moisés.Cada vez que subimos a DEUS agregamos uma experiência maior (a mais). Associamos o nº 40 às provas, mas certo é que elas nos proporcionam uma nova experiência com DEUS.
Não comeu pão, nem bebeu água – Milagre. A própria presença de DEUS o alimentava e o saciava. A ausência desses elementos físicos aponta para o sustento espiritual que encontramos em JESUS, Pão da Vida e Água da Vida.
Ao descer o rosto de Moisés brilhava, refletia a Glória do SENHOR – Ele mesmo não sabia disso, era algo involuntário, independente de sua própria vontade – O servo reflete a LUZ do Seu SENHOR – não é algo que criamos, mas algo que o SENHOR, amorosamente, implantou em nosso ser e é visível aos que estão no Vale.
O rosto de Moisés não brilhou no 1º encontro, pois enquanto ainda conversava com DEUS, o povo se corrompia. Ele desceria para juízo (quebrou as tábuas), mas nessa 2ª vez, a Revelação seria evidente para o Povo.
Aquela luz era própria de Moisés? Não. Vinha de DEUS. Nós, não temos nada, não temos Luz, mas nosso DEUS é um SOL e queremos que sua essência (sua LUZ) esteja presente em nossa vida. Não permitamos que as trevas ou o bezerro de ouro façam parte de nossas vidas, mas a Luz de JESUS.


Diácono: Diego- MG

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ESPECIAL REFORMA PROTESTANTE