Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

Série de Estudos Sobre a 5ª Medida

domingo, 5 de abril de 2015

NÃO FORAM OS PREGOS QUE O PREDERAM NUMA CRUZ, FOI O AMOR

NÃO FORAM OS PREGOS QUE O PREDERAM NUMA CRUZ, FOI O AMOR
“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”.

O texto em João 3:16, nos mostra a maior riqueza de Deus para a vida do homem: o amor. Podemos fazer uma comparação em figura, que Deus colocou nesse verso da bíblia tudo de mais intenso que Ele tinha, é como se um homem tivesse um baú e colocasse nele aquilo que de maior valor tivesse.




Jesus falava a um homem que era príncipe, que procurou Jesus de noite com uma dúvida sobre como nascer de novo; o homem de hoje não mudou, porque traz em si a necessidade de uma transformação que não emerge e nem pode emergir de si mesmo, mas essa ação de transformação só pode ser realizada pela operação regeneradora do Espírito Santo. E Jesus quando cita o verso acima, Ele quis dizer uma coisa simples: somente através do AMOR, o Espírito Santo pode transformar a vida do homem, mas Ele não força o coração do homem, mas está a porta do coração do homem, pedindo para entrar e mudar a vida e conceito do homem sobre uma vida eterna com Deus.
Por isso a base do evangelho é, e não pode ser outra coisa a não ser o amor de Deus.
Nesse verso tudo é intenso, para que o homem perceba e entenda que Deus separou tudo de mais intenso que tinha para o homem. Vejamos então:
POR QUE: A maior explicação que pode ser dada, e convicção naquilo que se explica.
DEUS: O maior ser que existe. Não foi um mero homem mortal que te amou e me amou, mas DEUS nos amou.
AMOU: O amor é o sentimento mais intenso e mais verdadeiro que existe, porque tudo suporta, tudo crê, tudo espera, o amor não falha.
O MUNDO: Deus não amou uma tribo, um país, um continente ou um tipo determinado de pessoa, ELE AMOU O MUNDO, a maior quantidade possível de pessoas, seja o bom, o mal, o ladrão, o que está preso a vícios, Ele amou todos sem distinção.
DE TAL MANEIRA: Maior intensidade, que não se pôde definir em palavras.
QUE DEU: A maior entrega, dar sem pedir nada em troca, uma dádiva.
SEU FILHO UNIGÊNITO: Deus não tinha 2, 3 ou mais filhos, Ele deu o ÚNICO filho que tinha. Jesus é a maior expressão do amor de Deus.
PARA QUE TODO AQUELE: A maior abrangência de pessoas.
O QUE NELE CRÊ: a maior condição.
NÃO PEREÇA: a maior condenação.
MAS TENHA: A maior conquista que o homem poderia ter.
A VIDA ETERNA: A maior esperança do homem, SALVAÇÃO.

Deus separou aquilo que tinha de mais intenso para oferecer ao homem, mas Ele dá o livre arbítrio para a escolha do homem. É certo que Deus trabalha até o último segundo da vida do homem tentando mostrar o quanto Ele o ama, e quando o homem entende isso e aceita Jesus como Único Salvador, é abraçado por esse amor ímpar que só Deus pode oferecer a alma do homem.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...