Bloquear botão direito do mouse: Bloquear seleção de texto: Bloquear tecla Ctrl+C/Ctrl+V: Bloquear arrastar e soltar:

CURTA NOSSA PAGINA NO FACE

Série de Estudos Sobre a 5ª Medida

quinta-feira, 5 de março de 2015

OS FUNDAMENTOS NA VIDA DO JUSTO

OS FUNDAMENTOS NA VIDA DO JUSTO SL. 11:3- SE FOREM DESTRUÍDOS OS FUNDAMENTOS, QUE
 PODERÁ FAZER O JUSTO?

INTRODUÇÃO:

O que não é ainda justificado pelo sangue de Jesus, por vezes e em alguns momentos, se apega em orientações diversas, a cultura, aos costumes e até mesmo em dogmas, na tentativa de sobreviver. Mas a pergunta que foi lançada pelo salmista Davi traz consigo uma consciência de que o Justo não tem como sobreviver na vida espiritual sem os fundamentos que norteiam e alicerçam a sua vida espiritual.


 DESENVOLVIMENTO:

“Se forem destruídos os fundamentos...”

–  Cultura, orientações, usos e costumes e dogmas são diferentes de doutrinas. Doutrinas são ensinos. As doutrinas tem 3 origens: do homem, do maligno e o Senhor. A doutrina do Senhor pelo qual o Espírito Santo tem nos feito viver é a que se constitui nos fundamentos..  Assim, a doutrina se constitui nos elementos que sustentam a nossa fé, que nos mantém firmes na presença do Senhor.
-  A nossa vida espiritual tem como fundamentos: O clamor pelo Sangue de Jesus, Igreja corpo de Cristo, Dons Espirituais, meios de graça, da Salvação.
-  Portanto, ousamos em responder que os fundamentos proféticos não podem ser destruídos porque são elementos que são da eternidade e que foram revelados pelo Espírito Santo para assegurar ao justo uma caminhada segura e garantir ao mesmo uma vida eterna.
Os fundamentos são destruídos, por exemplo, quando não são considerados ou usados durante o caminhar do homem ou quando estes não possuem significado algum ou representam a mesmas coisas que a cultura, costumes, orientações ou dogmas. Quando isto acontece, o homem fica sem fé, passando a praticar filosofias e a morte e ressureição passam não ter valor para o homem..

“...que poderá fazer o justo?”

 - Aqueles que foram Justificados pelo sangue de Jesus não abrem mão destes elementos, porque são elementos proféticos que nos asseguram a vida eterna com Deus.
- O justo não tem como subsistir sem que a doutrina esteja presente em sua vida não como uma teoria, mas como forma de vida.
Quando estes fundamentos estão esquecidos, é necessário lançar mão da doutrina, fazendo com que  esta seja aplicada continuamente em sua vida.  Para tanto, a busca e a vigilância para o justo é que norteia a sua vida.

CONCLUSÃO:
Nós estamos firmados na doutrina do Pai, que nos foi revelada pelo Espírito Santo, são fundamentos que nos sustenta na caminhada e nos assegura a benção de que um dia iremos contemplar o nosso Senhor e salvador na eternidade em toda a sua glória e majestade.
Somente o homem após ter conhecido e usado os fundamentos é que pode deixar ser destruído pela ação do inimigo. Não podemos deixar que os fundamentos sejam destruídos em nós. O alicerce da vida dos justos são estes fundamentos e que estão contidos na palavra de Deus.
Estes fundamentos representam Jesus em nossas vidas! Aleluia!


JOSENILSON FÉLIX

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...